quarta-feira, 21 de março de 2018

Crítica : Pedro Coelho

E aí pessoal, tudo certinho?

Hoje escreverei a crítica do filme Pedro coelho baseado nas obras de Beatrix Potter e com direção de Will Gluck (Amizade Colorida) a partir do roteiro de Rob Lieber (Alexandre e o Dia Terrível, Horrrível, Espantoso e Horroroso). Com sua estreia programada para amanhã dia 22 de março.


A banda Rouge faz uma participação especial no filme, ao cantar algumas canções, entre elas a música tema do filme a canção “Confia em Mim”.

Assim, na história Pedro Coelho é um animal rebelde que apronta todas no quintal, já que ele e sua família precisam surrupiar a horta do Sr. McGregor (Domhnall Gleeson) para se alimentar e até mesmo em algumas situações adentram a sua casa para bagunçar geral.

A partir daí a confusão esta armada, já que Pedro coelho resolve a todo custo atormentar a vida pacata do sobrinho do proprietário de todas as formas possíveis e inimagináveis para um ícone tão fofo que é considerada a figura de um coelho.


Nessas desventuras, Pedro contará com a ajuda, não só de sua família,mas também de diversos outros animais que habitam o local e ainda iniciará uma intensa batalha pelo carinho da amante de animais Bea (Rose Byrne).

Apesar de muita polêmica envolvendo o filme lá fora e também de possuir uma crítica um tanto negativa, eu achei o filme bastante divertido e a criançada que for assistir não se decepcionará em nada. Já que além da temática de coelho e seus animais, possui cenas engraçadas e dinâmicas , além de canções animadas.

No entanto,  a direção  não se sobressai muito e faz a obra cumprir sua tarefa principal que é nada mais nada menos que entreter

as crianças. E em muitas cenas a constante perseguição de gato e rato/ coelho e homem remete ao clássico Tom & Jerry.

A polêmica que o filme causou nos Estados Unidos, foi em uma cena específica, no qual os coelhos danados usam o fato do " vilão"possuir uma alergia alimentar para o atacarem. Nisso alguns pais não gostaram da influência que tal cena poderia causar em seus filhos. Ao meu ver não notei nada demais na cena em questão.

 Em relação a fotografia e ambientação merecem os mais sinceros elogios, pois a paisagem interiorana é magnífica e que exalta a vida pacata e as belezas naturas da Inglaterra extraordinariamente bem.


O filme conta com um elenco bastante diversificado e com excelentes atuações e que também inclui nomes de peso por trás das vozes dos coelhos espevitados, como James Corden, Margot Robbie e Daisy Ridley. Porém, é atuação hilária de  Domhnall Gleeson que surpreendentemente rouba a cena, pois ele é mais conhecido por atuar em produções mais dramáticas e sombrias como em Ex Machina, e em Star Wars: Os Últimos Jedi.

Pedro Coelho é um ótimo programa para garotada e sua família, ainda mais com a Páscoa se aproximando. Corre para os cinemas, preparem seu combo e bom filme!


 Obras da autora Beatrix Potter:


Helen Beatrix Potter, mais conhecida como Beatrix Potter, foi uma escritora, ilustradora, micologista e conservacionista inglesa, nascida no dia 28 de julho de 1866, em Londres, capital da Inglaterra. Logo, tornou-se uma célebre escritora em grande parte devido aos seus originais, únicos e divertidos livros infantis, sendo que a sua obra mais famosa é “A História do Pedro Coelho”.


















Ficha Técnica:



Título Original: Peter Rabbit 
Data de lançamento:
22 de março de 2018 (Brasil)
Direção: Will Gluck
Roteiro: Rob Lieber
Música composta por: Dominic Lewis
Autora: Beatrix Potter
Produtoras: Animal Logic, Columbia Pictures, MAIS
Gênero: Fantasia/Aventura
Duração: 1h 40m
Avaliação média:
v     5 estrelas 



Elenco: Domhnall Gleeson, Rose Byrne, James Corden entre outros

 Trailer dublado:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar, sua opinião é muito importante para mim. Se tiver algum blog, só deixar o link que darei uma olhadinha também =]

/>