terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Crítica: O Touro Ferdinando




E aí jovens, tudo certinho?

Hoje escreverei sobre a animação O Touro Ferdinando o lançamento da Century Fox Animation do mês de Janeiro e eu fui conferir se toda a Merchandising que a Fox investiu durante a CCXP17 valeu ou não. Além disso, também queria comprovar se a sua indicação  a melhor animação fazia jus ao renome.

Logo no início somos apresentados ao  Ferdinando - um touro calmo e com um temperamento tranquilo, que prefere permanecer embaixo de uma árvore relaxando e cheirar uma boa flor ao invés de ser um touro de briga que enfrenta o toureiro e arranja briga com os outros animais. Porém, depois de muitas desventuras ele acaba sendo escolhido como o maior, mais letal e potente animal para participar das touradas de Madrid.







A partir  dai uma série de acontecimentos desastrosos ocorrem e ele tenta a todo custo sair dessa situação em que acabou se metendo, mas não sem levar consigo os seus amigos  e ainda de quebra provar que um touro grande e aparentemente feroz pode sim ser uma doçura e possuir um enorme coração.

De certo, Ferdinando conquistará muitas crianças e adultos,assim como fez comigo e naqueles que o indicaram ao Oscar 2018 na categoria de melhor animação, pois mostra uma lado mais sensível dos animais totalmente desconhecido e pouco explorado nesse universo. Além de  contar com uma narrativa diferenciada e uma mega produção na fotografia, ambientação, construção dos personagens e ainda na direção, que ficou a cargo de Carlos Saldanha que também foi o responsável pelos sucessos de bilheteria Rio e A Era do Gelo.

Essa animação fantástica foi criada baseada no livro do autor americano Munro Leaf, cujas ilustrações, na época de seu lançamento, foram feitas pelo ilustrador americano Robert Lawson, sendo a obra mais conhecida do autor e que foi lançada no Brasil pela editora Intrínseca.

Com mais de 80 anos de vida, o simpático Ferdinando continua em boa forma. Sua história não envelheceu um dia sequer, ainda hoje conquistando corações e inspirando o respeito pelas diferenças. Publicado originalmente em 1938, O touro Ferdinando marcou gerações no mundo todo, tendo sido traduzido para mais de 60 idiomas. Com uma narrativa singela, uma união perfeita entre as ilustrações e o texto de humor delicado.

Com um personagem encantador e ilustrações impecáveis, a obra traz uma mensagem universal e atemporal e certamente será amada também pelos brasileiros.
 

No entanto, essa não foi a única produção baseada nesse livro, ainda podemos encontrar um curta-metragem de Ferdinando, o Touro , desenvolvido pela Walt Disney Productions e lançado nos cinemas norte-americanos em 25 de novembro de 1938. Ele ganhou Oscar de Melhor Curta-Metragem de Animação e só fez crescer o seu sucesso.

Então cinéfilos partiu embarcar nessa aventura com o touro  mais bacana do universo? Bom filme e divirtam-se !


Munro Leaf e Robert Lawson - Autores de O Touro Ferdinando


Munro Leaf e Robert Lawson
MUNRO LEAF e ROBERT LAWSON eram amigos, ambos autores e ilustradores. Por conta da repercussão de O touro Ferdinando, Leaf fez algumas turnês mundiais a convite do governo americano, distribuindo a mensagem de paz a crianças, educadores e bibliotecários. Publicou cerca de quarenta livros em quatro décadas de carreira. 

Lawson também teve longa e bem-sucedida vida profissional, tornando-se o primeiro autor - e até hoje um dos poucos - a receber tanto a Caldecott quanto a Newbery Medal, dois dos maiores prêmios literários americanos.




Ficha técnica do filme:

Data de lançamento: 11 de janeiro de 2018 (Brasil)
Direção: Carlos Saldanha
Música composta por: John Powell
Produtoras: Blue Sky Studios, Twentieth Century Fox Animation, Davis Entertainment


Avaliação: 







Trailer:





2 comentários:

  1. Genteee ameiii sua resenha perfeita em cada detalhe. Sou apaixonada por animação acho que é meu preferido e ainda por cima com animais. É fofura ao extremo. Não tive a oportunidade de assistir. Mas acredito que seja o máximo. Show

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adoro demais animação e essa esta boa demais.

      Excluir

Não deixe de comentar, sua opinião é muito importante para mim. Se tiver algum blog, só deixar o link que darei uma olhadinha também =]

/>