segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Crítica: Pets - A Vida Secreta dos Bichos


"Welcome to New York"
Já chamando a atenção com um curta de Minions antes do filme começar, Pets chega aos cinemas prometendo encantar a todos e divertir as crianças. Pelo que tenho visto por aí, o segundo item foi conseguido com sucesso, mas os adultos não têm reagido tão bem ao filme. Já eu, além de amar animações, analisei o longa e pesquei muitas coisas dele. Já explicarei...

O longa-metragem começa retratando a vida de cada animal em suas devidas casas. Max mora com sua dona e a ama demais, mas se vê ameaçado quando ela traz Duque, um enorme cachorro peludo que logo se impõe e mostra que veio para ficar. Logo em seguida eles se metem em confusão e vão parar na carrocinha. Nessa, eles acabam conhecendo Bola de Neve e sua equipe que odeiam os  humanos já que foram abandonados por seus donos. Seus amigos vão atrás deles quando percebem que Max está em uma grande enrascada. 

O filme possui clara mensagem sobre o abandono de animais (algo abominável, mas que ocorre frequentemente, infelizmente), ao mostrar o quanto eles sofrem com isso; fala sobre o prejulgamento que é deveras comum, mas devemos lembrar que as aparências enganam e muito; além de mostrar a amizade improvável entre um cachorro, gato, falcão, canário... A amizade surge desse jeito, se você não tiver preconceito, seu leque de opções é enorme e surgirá amizades de todos os tipos. Essa é a maior mensagem desse filme.



Ademais, a película possui uma representação fiel ao comportamento felino (parecia que estava vendo meus gatos no telão), mostrou a lealdade e maluquices dos caninos (também vi minha cadela na tela).

Crianças irão se divertir muito vendo os animais na tela, adultos (se prestarem atenção as mensagens) irão entender e apreciar mais o filme. 

Como não se apaixonar pela Chloe?
Fora isso, preciso dizer que -como eterna apaixonada por animais- os bichos do longa me conquistaram demais. Cada um com sua personalidade diferente e fofura extrema.




Ficha técnica

Título original:  The Secret Life of Pets
Diretor:   Yarrow Cheney, Chris Renaud
Data de lançamento: 25 de Agosto de 2016
Distribuidora: Universal Pictures
Dubladores brasileiros: Tatá Werneck, Danton Mello, Tiago Abravanel
Gênero: Animação

Apenas quero lembrar que esse blog é pessoal, então minhas opiniões são em base no que vejo e acho; sou viciada em animação, então levem em conta o que vocês irão achar. Enquanto isso, me junto ao Leonard =]


2 comentários:

  1. Nossa vi o filme ontem, e eu gostei. Mas esperava bem mais. A proposta do filme pelos trailer era mostrar o que eles faziam quando os donos não tavam por perto. Enfim, não superou minhas expectativas, apesar de eu ter amado os animaizinhos hehe s2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que justamente por causa do marketing as pessoas acabaram esperando muito mais do que foi proposto pelo filme. Além de ter passado a ideia de que eles ficariam em casa, aprontando, hahahaha. E amei por ter comentado <3

      Excluir

Não deixe de comentar, sua opinião é muito importante para mim. Se tiver algum blog, só deixar o link que darei uma olhadinha também =]

/>